Menu
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
19 de janeiro de 2021
Rádios

IPVA rendeu quase R$ 5 milhões para Palmas em 2019

Economia

por Guilherme Zimermann

palmas_veiculos
Publicidade

Na próxima quinta-feira (23), tem inicio o calendário de pagamento do IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotor) no Paraná. Em 2019, o imposto rendeu R$ 4,98 milhões aos cofres do município de Palmas.

Conforme a legislação, do total pago pelos proprietários de veículos, metade fica com o governo do Estado e a outra metade com os municípios. Ou seja, em 2019, os donos de veículos registrados em Palmas pagaram quase R$ 10 milhões através do IPVA. Com o dinheiro em caixa, prefeitura e governo estadual definem como serão aplicados os recursos.

Segundo o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito), a frota palmense soma mais de 24,3 mil veículos. Parte destes não tem cobrança do IPVA, por serem veículos de propriedade de órgãos públicos ou outras entidades, ou ainda são veículos com mais de 25 anos, que são isentos do pagamento.

Calendário de vencimento do IPVA

Publicidade
Publicidade

Prazo de pagamento (à vista)

Placas com finais:

1 e 2: 23/01/2020

3 e 4: 24/01/2020

Publicidade
Publicidade

5 e 6: 27/01/2020

7 e 8: 28/01/2020

9 e 0: 29/01/2020

Prazo de pagamento (parcelado)

Publicidade
Publicidade

Placas com finais:

1 e 2: 23/01/2020 (primeira parcela), 17/02/2020 (segunda parcela), 23/03/2020 (terceira parcela)

3 e 4: 24/01/2020 (primeira parcela), 18/02/2020 (segunda parcela), 24/03/2020 (terceira parcela)

5 e 6: 27/01/2020 (primeira parcela), 19/02/2020 (segunda parcela), 25/03/2020 (terceira parcela)

Publicidade
Publicidade

7 e 8: 28/01/2020 (primeira parcela), 20/02/2020 (segunda parcela), 26/03/2020 (terceira parcela)

9 e 0: 29/01/2020 (primeira parcela), 21/02/2020 (segunda parcela), 27/03/2020 (terceira parcela)

A Secretaria da Fazenda do Paraná lembra que não vai mais enviar o boleto impresso para o pagamento do IPVA.

Com a nova medida, uma das opções é emitir a guia pelo site da secretaria. Neste caso, o contribuinte poderá escolher a forma de pagamento, à vista ou em três parcelas, e imprimir o boleto para realizar o pagamento.

Publicidade