Patobranquenses do pódio em 2015 - Foto:(Rick Osentoski/AP Images for Shell)
  • Compartilhe no Facebook

Patobranquenses do pódio em 2015 – Foto:(Rick Osentoski/AP Images for Shell)

Na próxima quinta-feira (27), a equipe Pato a Jato inicia sua terceira participação na Shell Eco-Marathon, em Detroit nos Estado Unidos. O melhor resultado da equipe formada por acadêmicos e professores do Campus Pato Branco da UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná) foi o 2º lugar na categoria etanol conquistado em 2015. Neste ano, os patobranquenses querem mais.

Foto:UTFPR/Pato Branco
  • Compartilhe no Facebook

Foto:UTFPR/Pato Branco

No inicio da próxima semana, oito integrantes do time embarcam rumo à América do Norte, para enfrentar outras 100 equipes de sete países. A meta da Pato a Jato é superar o resultado de 2015, quando o Popygua, protótipo desenvolvido em Pato Branco, percorreu 316 quilômetros com um litro de etanol.

A competição, considerada o maior evento mundial do gênero, busca eficiência energética, através de categorias como Gasolina, Combustíveis Alternativos, Diesel, Bateria Elétrica, Hidrogênio e CNG.

A disputa também é dividida entre “Prototype” (protótipo), que prioriza a eficiência do veículo, e “UrbanConcept” (conceito urbano), que premia os veículos com designs mais práticos.

O número de voltas no circuito é determinado, assim como uma velocidade específica. A partir do desempenho das equipes, os organizadores calculam a eficiência energética dos veículos competidores e escolhem um vencedor para cada categoria de acordo com a fonte de energia utilizada. Também são premiados os projetos com diferenciais de segurança, design e melhor trabalho em equipe.