Com roupas pretas, cartazes de conscientização e fotos de Rosemilda Alves Ferreira, morta na manhã de terça-feira (21) em Pato Branco, as mulheres chopinzinhenses saíram às ruas em forma de protesto contra o feminicídio.

Mais de 50 mulheres de vários segmentos da sociedade, estudantes, donas de casa, empresárias, representantes do comércio estiveram mobilizadas no final da tarde de quarta-feira (22), na Praça Municipal em frente à Igreja Matriz São Francisco de Assis de Chopinzinho. As chopinzinhenses percorreram a Avenida XV de Novembro, principal avenida da cidade, em silêncio como forma de luto pelas mulheres vitimas de violência.

O objetivo desta mobilização foi de conscientizar as mulheres a denunciar os agressores para combater este tipo de crime.

Foto: Edson Zuconelli/Extra Fm.