• Compartilhe no Facebook

Essa é a aeronave envolvida no incidente. Foto: João Carlos Ribeiro

Uma aeronave prefixo PT JQZ de pequeno porte caiu no final da tarde deste domingo (17), na cabeceira da pista de um aeroporto particular, próximo ao distrito de Espigão Azul, em Cascavel, no Oeste do Estado. A aeronave pertence ao empresário Nilo Laerse de Rezende, da construtora da Saraiva de Rezende.

Três pessoas morreram no local e uma foi socorrida em estado grave. Graziela de Souza Philippi, de 53 anos, passou por cirurgia e permanece internada no Hospital Universitário. Os três mortos são: o médico cardiologista Eduardo Frederico Borsarini Philippi, de 48 anos, a filha dele Fernanda Philippi, de 12 anos, e o piloto freelancer Magnus Boeno Padilha.

O cardiologista tinha emprestado a aeronave para passar o feriado prolongado no litoral de Santa Catarina. De acordo com a Anac – Agência Nacional de Aviação a situação da aeronave é regular, com registro até fevereiro de 2020. Peritos da Criminalística estiveram no local, porém, a investigação que vai apontar a causa da queda será conduzida pela Aeronáutica.

Os corpos das vítimas foram recolhidos ao IML de Cascavel.

Da redação, com informações da TV Tarobá e fotos de Tarobá News