A Polícia Civil deu cumprimento na manhã desta terça-feira (11), a um mandado de prisão expedido pela vara criminal de Coronel Vivida, em desfavor de um homem de 24 anos, suspeito de praticar um roubo na cidade no dia 18 de janeiro de 2020.

O roubo aconteceu no final da tarde de um sábado, quando um homem com o rosto coberto por um pano branco e armado com uma pistola, entrou em uma mercearia localizada no centro de Coronel Vivida, rendeu o proprietário levando do caixa R$ 550,00 em dinheiro.

Segundo a Polícia Civil, através das câmeras de monitoramento espalhadas pelas ruas da cidade, foi verificado o suspeito saindo de sua casa, antes de praticar o furto, e voltando correndo para ela depois de cometer o crime.

O suspeito já havia sido condenado anteriormente por furtos e roubos, e fazia pouco tempo que estava na cidade cumprindo pena no regime semiaberto, com o uso de tornozeleira eletrônica. Para praticar o roubo o suspeito descarregou a bateria da tornozeleira, em seguida, visando não ser identificado rompeu o equipamento.

O suspeito foi encaminhado à 5ª Subdivisão Policial de Pato Branco, permanecendo à disposição da justiça.

Da redação, com informações da Polícia Civil.