Um boné que os ladrões esqueceram na casa de Fredy Luiz Arenza no Bairro Frizon, vitima de um furto, pode ser a peça principal para chegar aos autores desse furto acontecido no sábado (18), no município de Coronel Vivida.

Os policiais militares de Coronel Vivida, abordaram por volta das 18 horas de terça-feira dia (21), um rapaz que foi reconhecido como proprietário de um boné com escudo do Corinthians deixado pelo autor do furto na casa da vitima no sábado (18), onde levaram um Notebook, R$ 100,00 reais, um relógio Séculos feminino dourado, uma bolsa de viagem Nike preta, cinco pares de tênis de diversas marcas, e um boné preto com o símbolo Poker Star. O policial reconheceu o cidadão, pois ele havia praticado um furto alguns dias atrás usando o mesmo boné.

Na sede da 3ª Companhia da Polícia Militar em Coronel Vivida ao ser interrogado, um dos acusados disse que emprestou o boné para um outro cidadão que mora com ele naquela noite do furto, ou seja, no sábado, e este rapaz teria chegado em casa com os produtos que tinha sido furtado, no dia seguinte o então autor do furto vendeu todos os produtos. O proprietário do boné antes mesmo de o policial relatar os produtos furtados, disse em detalhes os produtos.

Depois dos procedimentos na sede da 3ª Cia, os dois suspeitos que não tiveram os nomes divulgados, foram encaminhados a Delegacia de Coronel Vivida.

Fotos: Vanderlei Lima.