O Juízo Criminal da Comarca de Palmas, sul do Paraná, recebeu a denúncia oferecida pelo Promotor de Justiça Titular da 2ª Promotoria, Dr. André Luiz de Araújo, contra pelo menos cinco pessoas acusadas de participação no assassinato e ocultação do cadáver nesta cidade. A vítima, Oscar Bento, foi morto no dia 21 de Janeiro deste ano, no Bairro Klubege.

O corpo foi encontrado pelas autoridades policiais no final da tarde do último dia 31 de Janeiro, enrolado em um cobertor e parcialmente enterrado em meio a uma plantação de eucaliptos aos fundos de uma residência, após 12 dias de desaparecimento. Após o fato, foram detidos dois homens e apreendido um adolescente, os quais teriam confirmado participação no crime por vingança.

Durante as investigações apontou-se que a vítima foi morta a golpes de madeira ou outro material. Dois dos acusados estão detidos no setor de carceragem provisória da Delegacia de Policia de Palmas, desde o início das investigações.

A denúncia do Ministério pelos crimes de homicídio duplamente qualificado, ocultação de cadáver e corrupção de menores pode resultar na condenação dos acusados em penas que vão de 13 a 35 anos de reclusão.