Um velório na comunidade de Arapongas, Assentamento Ireno Alves dos Santos, em Rio Bonito do Iguaçu, terminou com confusão entre familiares do morto. Na tarde de quarta-feira (31), a Polícia Militar foi chamada e precisou intervir numa briga envolvendo irmãos que participavam do velório do próprio pai.

Segundo informações, um homem de 39 anos, que mora em São Paulo, teria se desentendido e agrediu a irmã com um soco no rosto. Houve também ameaças e xingamentos do homem para com a irmã, que acabou indo para a casa da mãe. Mesmo assim, o irmão foi atrás de agrediu a mesma com um pedaço de madeira. O motivo da confusão seria pelo fato do paulista ter informado que assumiria as terras do pai falecido. Ao ser abordado pela PM, disse que era temido pela polícia paulista e não iria ser preso.

O responsável pela confusão responde por homicídio e tráfico e precisou ser contido pelos PMs que usaram de força devido a sua alteração. Ele foi encaminhado à 2ª SDP de Laranjeiras do Sul. A vítima da agressão não pode acompanhar a equipe da PM por conta dos ferimentos. Ela foi levada ao Pronto Atendimento de Rio Bonito do Iguaçu.