• Compartilhe no Facebook

Presídio de Francisco Beltrão está entre os menos problemáticos do Estado

Ao menos cinco integrantes do Primeiro Comando da Capital (PCC), foram transferidos ao longo dos últimos dias em Francisco Beltrão. De acordo com o  diretor da Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão, Marcos Andrade, as transferências aconteceram para evitar a atuação dos integrantes dentro da casa prisional.

Segundo o diretor, ações como essas são rotineiras. Entre os transferidos estava um dos integrantes da facção que era responsável pela operação de drones em presídios da região.

O local e o momento exato das transferências não são divulgados para evitar o conhecimento público deste tipo de ação.

Na semana que passou integrantes do setor de inteligência do sistema penitenciário em Francisco Beltrão interceptaram uma aeronave não tripulada, tipo drone, que levaria drogas para o presídio. De acordo com fontes ligadas ao sistema prisional, o equipamento seria de uso do PCC.