A Polícia Civil investiga a morte de um homem de 73 anos em Ampére, sudoeste do Estado. A ocorrência começou com um incêndio por volta das 20h30 desta quinta-feira (15) no bairro Colina Verde, saída para Santo Antônio do Sudoeste. Uma casa de alvenaria foi destruída pelo fogo e dentro do imóvel foi encontrado o corpo de Antônio da Silva. Existem indícios que o mesmo foi decapitado e as autoridades policiais trabalham com algumas hipóteses, sendo umas delas homicídio, e a outra latrocínio – roubo seguido de morte.

Inicialmente o Corpo de Bombeiros Comunitário foi acionado por moradores para combater as chamas. Os agentes  iniciaram o trabalho com apoio de vizinhos. Enquanto o fogo era combatido familiares do proprietário da casa chegaram no local e informaram que o mesmo estaria no interior da propriedade. Os bombeiros seguiram com o combate ao incêndio. Com apoio do Corpo de Bombeiros de Realeza o fogo foi contido e foi entrado na casa, inclusive quando o jornalista Julio Cezar Alves falava ao vivo na programação da Rádio Ampére AM um vizinho confirmou que o corpo havia sido encontrado.

A Polícia Militar chegou ao local para prestar atendimento e os policiais confirmaram que o idoso foi encontrado com indícios de ter sido decapitado. A cabeça estava sendo segura embaixo de um dos braços. Em conversas com familiares e vizinhos a PM foi informada que o homem residia sozinho, mas que tinha um inquilino que morava na parte dos fundos da residência. O mesmo estava no local, porém depois de algum tempo evadiu-se na carona de uma motocicleta.

A Polícia Cientifica chegou por volta das 22 horas e realizou a perícia do local e, na sequencia, o corpo foi encaminhado para o Instituto Médico legal de Francisco Beltrão. O delegado chefe da 19ª SDP, Valderes Scalco, acompanhado de investigadores, esteve na residência para dar início ao trabalho de investigação. Ele conversou com alguns familiares e vizinhos com objetivo de apurar informações. Em rápida conversa com a nossa reportagem o delegado disse que se tratava de um crime complexo. A Polícia deve repassar mais informações nesta sexta-feira sobre o caso.

Texto e fotos: Julio Cezar Alves (Rádio Ampére AM)