Foi preso na manhã de quarta-feira (03), no interior de Coronel Vivida, próximo da comunidade de Linha do Padre, Maciel Kaminski da Silva, 24 anos, vulgo polaquinho.

Polaquinho é acusado de pertencer e chefiar uma quadrilha de assaltantes a bancos e residências no Oeste de Santa Catarina e que agia com extrema violência.

A prisão foi feita pelo Delegado de Policia de Coronel Vivida, Rômulo Ventrella, com o auxilio do investigador, Anderson Grosso, quando se deslocavam para uma chácara onde polaquinho estaria trabalhando, porém o encontraram conduzindo uma motocicleta, ele teria tentado esboçar uma reação, mas já sob a mira das armas da policia, não restou opção se não se entregar.

Segundo o delegado Rômulo, Polaquinho trabalhava na colocação de ferraduras em cavalos. Então, visitava haras, fazendas e chácaras, oferecendo seus serviços. Porém, esse tipo de trabalho era apenas um álibi para que ele fizesse um levantamento do local, para posteriormente a quadrilha atacar e roubar.