Na madrugada deste sábado (27), por volta das 2 horas da manhã, a polícia militar de Chopinzinho foi chamada por várias vezes a comparecer na comunidade da Campina, interior do município, pois havia um som muito alto, que estava perturbando a tranquilidade dos moradores próximos.

Chegando no local foi constatado que um veículo GM-Celta de cor prata estava com o porta malas aberto e com o som excessivamente alto, uma pessoa se apresentou como o proprietário do carro e dos equipamentos de som. Os policiais comunicaram ao cidadão que devido as solicitações ocorridas o som seria recolhido. O carro foi levado ao pelotão da PM de Chopinzinho, foi retirado todo o equipamento de som e encaminhado a delegacia de polícia para as providencias.

“Perturbação do Sossego, o artigo 42 diz: perturbar alguém, o trabalho ou o sossego alheios com:  I – gritaria ou algazarra; II – exercício de profissão incômoda ou ruidosa, de acordo com as prescrições legais; III – abusando de instrumentos sonoros ou sinais acústicos; IV – provocando ou não procurando impedir barulho produzido por animal de que tem guarda. Pena: prisão simples de 15 (quinze) dias a 3 (três) meses ou multa.”

“Perturbação da Tranquilidade, o artigo 65 diz: molestar alguém ou perturbar-lhe a tranquilidade por acinte ou por motivo reprovável. Pena: prisão simples de 15 (quinze) dias a 2 (dois) meses.”