Durante o final de semana a Polícia Militar realizou o cumprimento de quatro mandados de prisão na regiões sudoeste e sul do Paraná. Os mandados foram cumpridos nos municípios de São João, Clevelândia e Mangueirinha e Palmas.

Na sexta-feira dia 31 de julho de 2015, por volta das 14h, a equipe policial militar do município de São João em patrulhamento pela Rua XV de Novembro, centro, realizou abordagem ao veículo Ford/Ka, de cor prata, conduzido por um homem, 43. Em pesquisa no sistema SESP foi constatado que o condutor possuía um mandado de prisão em aberto relativo a delito de crimes de trânsito e o veículo possuía bloqueio por ordem judicial. O condutor foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Chopinzinho-PR, e o veículo encaminhado ao pátio do3º Pelotão de São João-PR.

Na cidade de Palmas, por volta de 15h50min, após solicitação via Central de Operações, a equipe de Rádio Patrulha deslocou até a Rua Minas Gerais, bairro Klubege, e localizou um indivíduo, de 24 anos, o qual possuía um mandado de prisão em aberto, sendo foragido da Colônia Penal Agrícola do município de Curitiba-PR. Diante dos fatos o indivíduo recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Delegacia local.

No sábado dia 1º de agosto, em Clevelândia, por volta das 17h30min, após denúncia via 190, a equipe policial militar deslocou até a Rua 6, bairro Hípica, e abordou um indivíduo,de 25 anos, e constatou que possuía um mandado de prisão em seu desfavor expedido pelo Juiz de Direito da Juízo Único-Clevelândia, por falta de pagamento de pensão alimentícia, sendo então encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Clevelândia para os procedimentos cabíveis.

No domingo dia  2 agosto na cidade de Mangueirinha, por volta das 5h40min, após denúncias, a equipe de Rádio Patrulha abordou a motocicleta Honda/Twister, de cor amarela, em um posto de combustível localizado na Rua Governador Trotta, centro, e em consulta ao sistema verificou-se que o condutor,de 33 anos, possuía um Mandado de Prisão por homicídio em seu desfavor, sendo então encaminhado à Delegacia de Polícia para as devidas providências.