A Vigilância Sanitária de Palmas, sul do Paraná, está realizando a fiscalização junto aos estabelecimentos comerciais  do município com o objetivo de detectar a presença de lotes de  marcas de leite que possam ter sido adulterado com  formol e o cloreto de sódio em laticínios do Rio Grande do Sul  e  que  causam danos à saúde do consumidor.

Conforme a chefe do órgão, Renata de Medeiros Truiti, por orientação da 7º Regional de Saúde,  estão sendo verificadas  os   lotes de  marcas gaúchas vendidas no comércio local –  Líder,  Italac  e Mumu, sendo que até o momento não foram encontradas unidades dos lotes especificados.

Orientou que caso a população tenha adquirido leite destas marcas que verifiquem os lotes e no caso de estarem inseridos na lista sejam encaminhados para a Vigilância local para ser  submetido à analise do Laboratório Central do Estado(LACEN).

Relatou que houve um caso em Palmas de uma criança que apresentou início de intoxicação, após ingerir o produto de uma das marcas fiscalizadas. Entretanto, não foi possível fazer a análise laboratorial uma vez que não havia mais o produto do referido lote.


Veja os lotes

1.EMPRESA: BOM GOSTO – Município de Tapejara/RS – SIF 4182.

MARCA: LÍDER

PRODUTO: LEITE UHT INTEGRAL

LOTE: TAP 1 MB

2.EMPRESA: GOIASMINAS – .Município Passo Fundo/RS – SIF 1369

MARCA: ITALAC

PRODUTO: LEITE UHT INTEGRAL

LOTE: L 05 KM3

PRODUTO: LEITE UHT SEMIDESNATADO

LOTE: L 12 KM 1

PRODUTO: LEITE UHT INTEGRAL

LOTE: L 13 KM3

PRODUTO: LEITE UHT INTEGRAL

LOTE: L 18 KM3

PRODUTO: LEITE UHT INTEGRAL

LOTE: L 22 KM4

PRODUTO: LEITE UHT INTEGRAL

LOTE: L 23 KM1

3.EMPRESA: VONPAR – Município de Viamão/RS – SIF 1792

MARCA: MU MU

PRODUTO: LEITE UHT INTEGRAL

LOTE: 3 ARC