Na manhã da quarta-feira (24) foi ao ar mais uma edição do quadro “O Assunto é Saúde”, com o Urologista, Dr Arlindo Serena. Durante a participação foram esclarecidas as dúvidas dos ouvintes, enviadas através das plataformas de interação da Rádio Onda Sul FM.

Dr Arlindo Serena (Foto: Francione Pruch)
  • Compartilhe no Facebook

Dr Arlindo Serena (Foto: Francione Pruch)

– Quais as consequências para a saúde de alguém que consome várias doses de cachaça e vinho todo dia? Um homem de 50 anos já começa a sentir os efeitos desse consumo?

Serena:“Depende da idade que ele iniciou essa ingestão maior. A cachaça é um destilado extremamente perigoso, as consequências estão relacionadas a função hepática, que é a função do fígado. As primeiras consequências são problemas que alteram as funções do fígado, podem ocorrer ainda varizes de esôfago, hemorragia digestiva, enfim, há uma série de coisas que podem acontecer, mas geralmente baseado nesse sentido de alterar a função do fígado.”

 

– Quais as consequências ou efeitos na saúde da pessoa quando tem problema de gordura nos rins?

Serena: “É uma pergunta um pouco complexa, essa gordura por exemplo é uma gordura externa, não existe gordura interna no rim. O paciente obeso faz camadas de gordura, a chamada gordura perirrenal, que é uma camada na camada de gordura pura mesmo, porém, sem complicações maiores. Ela tem os efeitos de toda a gordura em excesso no corpo, pois essa gordura se localiza em volta dos rins, do coração, do intestino e na parede abdominal principalmente, não tem efeito nocivo para a função do rim. Vale lembrar que, aquela gordura no sangue que as pessoas dizem, não tem relação com a gordura no rim.”

 

– Eu tenho gordura no fígado, tem como eliminar?

Serena: “Tem sim, claro. Mas tem que descobrir em primeiro lugar a origem, a causa, que normalmente são o álcool e as hepatites. Você tem que descobrir a causa para isso e diminuir a ingestão de gorduras, diminuir ou eliminar a ingestão de álcool e fazer atividade física, isso são práticas que ajudam a eliminar gordura a chamada esteatose hepática.”

 

– Não bebo, me cuido na alimentação e tenho gordura no fígado. Tenho que fazer algum tratamento específico?

Serena: “Existem os chamados hepatoprotetores, que são medicamentos que protegem o fígado, porém, volto a ressaltar que é necessário tentar descobrir a origem dessa gordura. Na nossa região temos um índice altíssimo de contato com o vírus da Hepatite B, então a primeira coisa que tem que ser afastado no seu caso, que não bebe álcool, são as hepatites. Afastando as hepatites, aí vem a dieta, que deve ser pobre em gordura e aliada a atividade física.”

 

O ouvinte pode participar do quadro, encaminhando perguntas para o médico Arlindo. Através:
Whats: (46) 9 9908 7400

site: http://www.radioondasul.com.br/

Confira o áudio na íntegra: