A Secretaria de Estado da Saúde do Paraná divulgou nesta terça-feira (3) o Boletim Epidemiológico sobre a dengue no Paraná, com destaque para o Levantamento Rápido de Índices de Infestação nos municípios. O LIRA mostra a porcentagem entre o número de imóveis pesquisados e o de imóveis onde os criadouros do mosquito foram encontrados.

O levantamento mostra que 72,9% dos criadouros estão nos domicílios. Segundo o estudo, 43% dos criadouros foram localizados em recipientes plásticos, garrafas e latas, acumulados destampados nos quintais das residências e em entulhos de construção, caçambas e latas de tintas também deixadas abertas nos quintais.

Outros 23,5% estão nos depósitos de água a nível do solo e 22,6% estão nos pratinhos de vasos de plantas, recipientes de degelo de geladeiras, bebedouros, pequenas fontes ornamentais.

O estudo mostrou que 7,3% foram encontrados em pneus e 5,3% em tanques em obras, borracharias e hortas; calhas lajes e toldos em desníveis, ralos de sanitários em desuso, piscinas não tratadas, cacos de vidro em muros e floreiras e vasos nos cemitérios.

Em Francisco Beltrão a situação não é diferente. O mais recente levantamento apresentou infestação de 4,1%, considerado de alto risco e muito superior ao levantamento anterior, realizado em setembro, que apontou índice de 0,8%. O problema foi verificado em 19 bairros e foi constado que nas residências e nos ambientes de trabalho estão os principais problemas. Neste ano o município de Francisco Beltrão teve 14 casos de dengue.

Segundo a coordenadora do setor de endemias da Secretaria Municipal de Saúde de Fco. Beltrão, Tania Lise, o fator climático nessa época do ano contribui bastante para o aumento dos criadouros, por isso a atenção da população deve ser redobrada.

No Estado, em situação de epidemia estão oito municípios, um a mais que na semana anterior. Nova Cantu, Quinta do Sol, Inajá, Santa Isabel do Ivaí, Ângulo, Floraí, Uniflor e Colorado atingiram este patamar e somam 713 casos autóctones. O Paraná apresenta 12.254 notificações para a dengue do dia 28 de julho até agora.

Confira a matéria na íntegra:

 

Notícia com informações da Agência de Notícias do Paraná.