Começou hoje (24) os Mutirões contra infestação do Aedes Aegypti, em Francisco Beltrão, sudoeste do Paraná. Neste ano, a cidade registrou 14 casos suspeitos de dengue, mas até o momento nenhuma confirmação oficial.

O combate ao mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus, iniciou pelo bairro Padre Ulrico. Na sequencia recebem o mutirão os bairros Vila Nova, Presidente Kennedy e Jardim Seminário.

“A gente pede a colaboração das pessoas, para que deixe na calçada os materiais que acumulam água, lembrando que não podemos recolher móveis e eletrodomésticos. Pedimos que a população olhe os lotes, porque o maior problema está nas residências e não nos terrenos baldios”. Comenta a Enfermeira e Coordenadora de Endemias da Secretaria Municipal de Saúde Tania Lise.

O mutirão é realizado pela Secretaria de Saúde junto com a Secretária de Urbanismo e Meio Ambiente. Uma equipe de profissionais passa nas residências recolhendo todo o tipo de material que acumule água e se torne um criadouro do mosquito. Além disso, a população é orientada sobre a prevenção e cuidados para combater o Aedes Aegypti.

Sem data confirmada, na próxima semana o mutirão segue pelo bairro Vila Nova. “Não temos data ainda porque dependemos também da colaboração do urbanismo e meio ambiente”.