Atendendo recomendação do Ministério da Saúde devido ao surto do sarampo em 11 estados. O município de Francisco Beltrão está intensificando a vacinação contra a doença. A principal novidade é a vacina para todas as crianças com idade de 6 e 11 meses.

A secretaria municipal de Saúde orienta a população para atualizar a carteirinha de vacinal. A vacina Tríplice Viral, que protege contra o sarampo, rubéola e caxumba, está disponível nas unidades de saúde dos bairros Alvorada, Cango, Padre Ulrico, Pinheirinho e Vila Nova. Todos os profissionais de saúde estão capacitados para a detecção precoce dos sinais e sintomas da doença.

Neste ano, no município de Francisco Beltrão, não foi registrado nenhum caso. Dos 4 casos suspeitos, 2 foram descartados e outros dois aguardam resultado de exames laboratoriais. No Brasil foram registrados neste ano 1.680 casos confirmados. O Paraná confirmou dois casos até o momento, em Curitiba e Campina Grande do Sul. Outros 16 estão em fase de investigação laboratorial.

Estão aptas a receber a vacina pessoas nas faixas etárias de 6 a 11 meses (uma dose); de 12 meses a 29 anos (duas doses); de 30 a 49 anos (uma dose) e profissionais de saúde (duas doses). É obrigatória a apresentação da carteira de vacinas para que o profissional de saúde verifique a necessidade ou não da vacinação. O Ministério da Saúde é responsável pela disponibilização da vacina.

O sarampo é uma doença altamente contagiosa, mas fácil de prevenção por meio da vacina que é oferecida gratuitamente. Devido ao surto, o Brasil corre o risco de perder o certificado internacional de erradicação. O sarampo gera sintomas como febre, tosse persistente, corrimento nasal, conjuntivite e manchas avermelhadas que começam perto do couro cabeludo e depois se espalham pelo corpo.

Assessoria