Diversas famílias de Clevelândia, Coronel Vivida, Mangueirinha e Palmas receberão, no próximo mês, os reservatórios do projeto Caixa D’água, do governo estadual. São moradores que encontram-se em situação de alta vulnerabilidade social que residem em áreas urbanas. A proposta é garantir abastecimento para higiene, saúde alimentação adequados durante eventuais interrupções no fornecimento de água.

Além da caixa, receberão recursos para mão-de-obra e materiais de instalação. Técnicos de departamentos de engenharia,obras e habitação das prefeituras contempladas, que atuarão diretamente no projeto e gestores dos Cras locais, estão sendo orientados pela Secretaria da Justiça, Família e Trabalho.

O projeto integra o programa Família Paranaense e recursos são oriundos do contrato com o Banco Interamericano de Desenvolvimento(BID), que prevê a regularização fundiária de assentamentos precários e a produção ou melhoria de moradias urbanas e rurais.

Os kits são adquiridos pela Sanepar e repassados às famílias pelos municípios. Em seguida a Sanepar oferece à família, ou profissional por ela indicado, uma capacitação para a instalação adequada. Depois de instalada, a família recebe R$ 1.000,00 para reembolso dos gastos com a instalação.

As famílias beneficiadas devem residir em municípios abrangido pelo Programa Família Paranaense e contrato de concessão ocom a Sanepar; ser abastecida com água tratada, estar no Cadastro Único e ter renda máxima de até meio salário mínimo nacional por integrante da família.