MAGAZINE DE NATAL EXCLUSIVIDADE RBJ.COM.BR

Equipes da Secretaria de Saúde participam de qualificação

por Francione Pruch em 18 de Janeiro de 2018 15:02
por Francione Pruch em 18 de Janeiro de 2018 15:02

Foram dois dias de formação voltada à atenção primária / Foto: Assessoria

Foram dois dias de formação voltada à atenção primária / Foto: Assessoria

Na terça e quarta-feira (16 e 17), os funcionários da Secretaria Municipal de Saúde de Pato Branco participaram de qualificação ministrada pela consultora Maria Emi Shimazaki. A programação, com palestras e oficinas, contou com a presença de mais de 350 profissionais da saúde pública. A abertura da programação aconteceu na manhã de terça-feira (16).

Na abertura da programação aconteceu a palestra “Construindo o fortalecimento da atenção primária à saúde”, com a médica Maria Emi Shimazaki – pediatra, especialista em Saúde Pública e Gestão em Marketing no Serviço de Saúde, e que foi superintendente da Secretaria Municipal de Saúde de Curitiba e presidente do Instituto de Previdência dos Servidores da Prefeitura Municipal de Curitiba. Maria Emi presta consultoria para a Secretaria de Saúde do Estado do Paraná, Secretaria de Estado de Minas Gerais, Secretaria de Estado do Espírito Santo, Secretaria Municipal de Saúde de Uberlândia e Ministério da Saúde.

O prefeito de Pato Branco, Augustinho Zucchi, participou da abertura e enalteceu a importância de momentos de qualificação. “Atender melhor e fazer mais com aquilo que temos, esse é o nosso objetivo. Por isso, aumentamos de 07 para 17 as equipes da Estratégia Saúde da Família e contratamos mais de 240 profissionais para a saúde pública de Pato Branco. Queremos aproveitar bem o dinheiro aplicado em saúde para cada vez mais melhorar o atendimento para nossa população”, ressaltou Zucchi.

A secretária municipal de Saúde, Márcia Fernandes de Carvalho, explica que a intenção foi oferecer um momento de reflexão sobre a saúde municipal. “A nossa busca é pela excelência nos atendimentos, tendo em vista que Pato Branco é um polo em saúde e recebe pacientes de diversas cidades. Nossa avaliação pelos trabalhos prestados é boa, mas precisamos estar em planejamento constante, sempre buscando melhorar nossa atuação junto a população”, explicou Márcia.

Para os profissionais da Saúde de Pato Branco, Maria Emi ressaltou em sua fala a importância de estabelecer vínculos com os pacientes. “A importância da atenção primária se dá no fato dela ser a porta de entrada do sistema, em que o profissional de saúde deve acolher e identificar as necessidades do paciente e, juntamente com ele, resolver grande parte dos problemas de saúde, em especial quando falamos em condições crônicas e fatores de risco a que a população está submetida. Procura-se estimular, cada vez mais, por meio desse vínculo, a busca das pessoas pelo cuidado e pela promoção da saúde”, afirmou a médica.

Compartilhar