O coronavírus tem obrigado a todos mudarem suas rotinas, em seu trabalho, relações familiares, convivência. Em Chopinzinho, todos os casos suspeitos foram descartados para a Covid-19 e comércio e empresas gradativamente voltam a funcionar. A atenção e cuidados ainda permanecem, devendo toda a população ser responsável por evitarmos o alto contágio.

Na área da saúde, a Unidade Básica de Saúde do Frei Vito continua exclusivamente atendendo apenas casos com sintomas de coronavírus. Também, permanecem na ativa os números de telefone e whatsapp para teleatendimento médico, para (98401-3524/98401-3512/98401-3512) quem tem dúvidas e quer informações sobre a nova doença, ou sintomas que venha apresentando. Devido à orientação do Ministério da Saúde, só casos graves são testados. No momento, Chopinzinho não apresenta nenhum caso deste. Casos suspeitos leves continuam com a orientação de isolamento social em suas próprias casas.

As empresas que estão abertas devem seguir o estabelecido no Decreto Municipal, respeitando, por exemplo, o número de pessoas por ambiente, distância entre clientes, ventilação e disponibilidade de álcool gel. A recomendação é de para os maiores de 60 anos e pessoas com doenças pré-existentes prossigam em isolamento. Também, para que todos evitem aglomerações.

Corona Vírus

Este vírus causa doença respiratória e é de alta transmissibilidade, daí a preocupação em contê-lo, principalmente por ainda não ter cura conhecida. Os sintomas são febre acima de 38 graus, tosse, e em casos mais graves, problemas respiratórios. Afeta todas as faixas etárias, com sua forma mais grave acontecendo entre idosos e pessoas com histórico de doenças prévias.

É preciso lembrar que nem toda doença respiratória tem ligação com a nova doença e que casos brandos podem ser tratados de sua própria casa, sem necessidade de intervenção médica. Os cuidados principais recomendados são higiene pessoal – lavar muito bem as mãos e utilizar álcool gel – e, quando suspeitar da doença, indica-se isolamento domiciliar. Também, na hora da tosse ou espirro, levar o braço à frente de boca e nariz, para evitar espalhar o vírus no ambiente.

Fonte: Assessoria