Execuções de grandes obras de infraestrutura e energia no município de Coronel Domingos Soares impulsionaram os  gastos em saúde pública no segundo quadrimestre do ano. Com a chegada de trabalhadores para a construção do asfalto da PR 912 e da PCH Foz do Estrela aumentaram as consultas médicas, exames e distribuição de medicamentos.

Os valores e dados operacionais preliminares foram apresentados pelo Técnico em Saúde Pública, Edson Luiz Favero, na audiência de prestação de contas do setor, conforme Lei de Responsabilidade Fiscal. O município aplicou R$ 5,3 milhões na área de saúde neste ano de 2019. O montante superou em 10,94% a exigência constitucional de aplicações de 15% das receitas. Os recursos foram aplicados nas ações  nas cinco unidades básicas na área rural e central.

  • Compartilhe no Facebook

Prospecções arqueológicas na área da PCH Foz do Estrela

Conforme os relatórios, as consultas aumentaram 25% devido a instalação de novas empresas no município, aumentando assim a população residente temporariamente. Os procedimentos de outros profissionais de nível superior, de técnicos e auxiliares obtiveram um aumento de 27,37%, condizente com o aumento de consultas resultando no acréscimo da distribuição de medicamentos em 8,40%. No período quase que dobraram as cirurgias eletivas e duplicou o transporte de pacientes para centros médicos da capital do estado. Em outro análise, houve aumento dos falecimento em 50%. Na outra ponta diminuição em 12,90% nos nascimentos.

OBRAS

A pavimentação da PR-912, que liga o município a Palmas teve  inicio em julho de 2018 e a estimativa é que sejam concluídos até o inicio do segundo semestre de 2020.

Outra obra que está empregando centenas de trabalhadores está sendo construída  no leito do Rio Iratim e  pertence a Brookfield Energia Renovável, através da São Luiz Energética. Terá  29,5 MW de capacidade instalada e duas unidades geradoras. A previsão é que comece a operar em fevereiro de 2022.