Segundo o boletim semanal divulgado na última terça-feira (7) pela Secretaria de Estado da Saúde, o Paraná registrou mais quatro óbitos por gripe na última semana. Ao todo, já são 499 casos de gripe no Paraná, 11 a mais que o boletim anterior, que apontava 488 casos.

São 94 óbitos confirmados até agora. As principais vítimas são idosos (53,2% dos casos). São 50 mortes de pessoas com mais de 60 anos. A maioria delas também apresentava outros problemas de saúde como fator de risco.

Entre os óbitos registrados nos últimos dias estão o de uma mulher de 49 anos, de Paranaguá. Ela apresentava, também, um quadro de pneumopatia crônica como fator de risco. Em Curitiba, uma mulher de 38 anos portadora de diabetes faleceu. Em Medianeira, um homem de 48 anos. E, em Piraí do Sul, uma jovem de 15 anos morreu por complicações relacionadas à gripe. Ela também era portadora de diabetes.

A melhor forma de evitar a gripe é fazer a higienização frequente das mãos, principalmente antes de consumir alimentos; cobrir nariz e a boca quando espirrar ou tossir; não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, copos e pratos; e deixar os ambientes sempre ventilados.

Os sintomas da gripe incluem febre alta (acima de 38°), dor muscular, dor de garganta, dor de cabeça e tosse.

Caso perceba os sintomas, o paciente deve procurar os serviços de saúde para avaliação médica e início do tratamento com antiviral específico. O medicamento está disponível na rede pública de saúde.

Paraná Portal