Foi publicada na semana passada a Portaria n° 1.557, que determina o repasse do Governo Federal de quase R$ 580 milhões, até 2014, aos estados e municípios brasileiros para auxiliar em procedimentos cirúrgicos eletivos (cirurgias não emergenciais). Somente o Paraná receberá R$ 29,8 milhões, que serão rateados entre os municípios para auxiliar na realização de cirurgia de catarata, tratamento de varizes, cirurgias ortopédicas e nas áreas de urologia, oftalmologia e otorrinolaringologia, incluindo retirada de amígdalas.

Conforme a chefe da 8ª Regional de Saúde de Francisco Beltrão, Cíntia Ramos, está agendada para o dia 20 de agosto uma reunião estadual, quando serão determinados os rateios para cada município e também as pactuações que serão realizadas com os hospitais que realizarão os procedimentos. “Apenas para Francisco Beltrão será disponibilizado cerca de R$ 233 mil para tais procedimentos. Outros R$ 16 milhões serão destinados conforme as necessidades de cada região” frisa Cíntia, que ainda destaca que provavelmente o Hospital Regional do Sudoeste seja um dos pactuados, mas também deverá haver acordo com demais hospitais da região.