Monsenhor Edgar Ertl, agradeceu aos cumprimentos externados pela sua escolha pela Santa Se como novo bispo para a igreja particular desta região. Em segundo momento pediu as orações e preces para seu serviço pastoral e manifestou desejo pela participação na celebração de sagração e posse como Bispo desta Diocese.

Já com as vestes características de sua nova missão, iniciou sua mensagem como lema escolhido para seu episcopado: “Estou no meio de vós como quem serve” (Lc 22,27). Agradeço-lhes pelos cumprimentos que me foram enviados nesta ocasião de minha escolha para o exercício episcopal, na Diocese de Palmas e Fco. Beltrão, Paraná, no dia 27 de abril do corrente ano. Quero e preciso contar com suas orações e preces a fim de que eu seja tão somente um pastor a serviço da porção do povo de Deus que a Igreja me confia, através do Papa Francisco. Serei ordenado, no dia 23 de julho/16, sábado, às 17h, em Francisco Beltrão. De um modo ou de outro, gostaria de tê-los presentes à celebração. Unidos na oração, em Cristo, o rosto da misericórdia do Pai, e em São Vicente Pallotti. Fraternalmente, Pe. Edgar Ertl sac.

No domingo, dia seguinte à ordenação em Francisco Beltrão na Concatedral Nossa Senhora da Glória, pelo Arcebispo de Cascavel, Dom Mauro Aparecido dos Santos;  e pelos Bispos, Dom Julio Akamine – Auxiliar de São Paulo e  Dom Elói Roggia, da Prelazia de Borba no Amazona, assumirá sua Cátedra na sede da Diocese em Palmas, sul do Paraná, em celebração marcada para às 19h00 na Catedral do Senhor Bom Jesus da Coluna.

Padre Edgar Xavier Ertl foi anunciado como novo Bispo na manhã do dia 27 de abril, pelo Padre Geraldo Macagnan, administrador diocesano, após ser nomeado nomeado pelo Papa Francisco. Natural de Nova Prata do Iguaçu, no sudoeste do Estado, nasceu em 03 de setembro de 1966. Ingressou no Seminário em 20 de fevereiro de 1985, no Seminário São Vicente Pallotti, em Palotina. Fez a primeira Consagração Perpétua em 25 de maio de 1996. Recebeu a ordenação presbiteral em 29 de dezembro de 1996, em Boa Esperança do Iguaçu. Começou seu trabalho em Colorado do Oeste, Rondônia. Em seguida foi enviado à Roma, onde obteve o título de Mestrado em teologia Dogmática pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma. Ao retornar de Roma, em 2003, passou lecionar na Faculdade Palotina (FAPAS), em Santa Maria (RS). Além disso, durante seis anos foi Reitor do Colégio Máximo Palotino. Desde de 2010, era Providencial da Congregação dos padres Palotinos.