Nos dias 12 e 13 de Março Cascavel sediou o 9º Encontro Provincial da Pastoral Familiar com a participação das Dioceses de Palmas -Francisco Beltrão, Toledo, Foz do Iguaçu e Arquidiocese de Cascavel. Tema o “Sínodo da Família”, assessorado pelo Pe. Hélio Luciano (Assessor da Pastoral Familiar da Arquidiocese de Florianópolis e do Regional Sul 4 Estado de Santa Catarina e Coordenador de Bioética da CNBB) . A Diocese de Palmas-Francisco Beltrão foi representada por 22 agentes da Pastoral Familiar, acompanhados pelo Pe. Nilzeu Garcia Albuquerque (Assessor Diocesano da Pastoral Familiar).
Também esteve presente Dom Mauro Aparecido dos Santos, Arcebispo de Cascavel e Presidente do Regional Sul 2 da CNBB – Estado do Paraná que destacou a importância dos agentes da Pastoral Familiar no trabalho com as famílias. Falou do acompanhamento aos casais em segunda união na conscientização para a nulidade matrimonial que teve o processo descentralizado e mais agilizado, mas com as mesmas exigências.
Dom Mauro destacou que a Província de Cascavel é a que mais realiza encontros com a Pastoral Familiar no Paraná: “Ficamos contentes em saber que estão reunidos aqui muitas pessoas que entendem e estão envolvidos com a família e estudando o ‘Sínodo da Família’. A Pastoral Familiar tem um trabalho importantíssimo principalmente nos dias de hoje onde as famílias estão sendo bombardeadas desvirtuando da mensagem do arquiteto da família. Temos que exercer nosso trabalho e nadar contra as correntezas da sociedade e mostrar o que Deus quer da família. Nós temos que propor o melhor para a família”. Pediu o arcebispo: “ Famílias do Paraná, assumam a sua missão de ser célula mãe da sociedade que orienta e diga que o arquiteto da família quer isso de nós”.