Menu Envie sua pauta
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
22 de maio de 2022
Rádios

Projeto que veda obrigatoriedade do passaporte de vacina avança na Alep

Deputados alegam que matéria é inconstitucional

Política

por Lucas Maciel

Qzxn65oJDRNwAcUjo9pt2GP4P17USksI8N3WBha8
Foto: Sandro Nascimento/Alep
Publicidade

O projeto de lei 655/2021 que garante a liberdade e o direito de ir e vir em todo o território paranaense foi aprovado em primeiro turno de votação com 35 favoráveis, 10 contrários e uma abstenção durante sessão na Assembleia Legislativa do Paraná, nesta segunda-feira (4).

A proposta veda a obrigatoriedade do passaporte de vacina no estado paranaense e agora retornar ao plenário para ser votada em segundo turno na sessão desta terça-feira (5).

Diversos deputados manifestaram-se em relação ao projeto, dentre eles o primeiro secretário da Alep Luiz Claudio Romanelli (PSD), que destacou a inconstitucionalidade da matéria. O líder da oposição na Alep, deputado Arilson Chiorato (PT), também disse que a proposta é inconstitucional e que não seria preciso aprovar nem proibir o passaporte sanitário, mas deixar que autoridades sanitárias se manifestem sobre o tema.

 

Publicidade
Publicidade

 

 

 

Publicidade