Menu Envie sua pauta
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
22 de maio de 2022
Rádios

Produtores iniciarão colheita da uva em Coronel Domingos Soares

Previsão é colher mais de 60 toneladas das variedades Bordô, Niágara Branca e Rosa, Izabel e Casca Dura.

Agricultura

por Guilherme Zimermann

WhatsApp Image 2022-01-24 at 12.54.13 (1)
Publicidade
[Grupo RBJ de Comunicação] Produtores iniciarão colheita da uva em Coronel Domingos Soares — Fotos: Nelson Leite
Fotos: Nelson Leite

Agricultores de Coronel Domingos Soares dão inicio nesta terça-feira (25) à colheita da safra 2021/2022 de uva. A previsão é colher mais de 60 toneladas.

Os produtores colherão uvas de cinco variedades: Bordô, Niágara Branca e Rosa, Izabel e Casca Dura. Na localidade do Chico André, a produção abrange uma área de 13 hectares, dividida entre 10 produtores.

[Grupo RBJ de Comunicação] Produtores iniciarão colheita da uva em Coronel Domingos Soares

Um dos produtores, Nelson Leite, destacou ao Departamento de Jornalismo da Rádio Club FM, que a produção desta safra ficou abaixo do esperado, principalmente por conta dos ventos frios e da estiagem.

Com inicio da sua implantação em Coronel Domingos Soares entre 2000 e 2001, atualmente a produção de uva tem sua maior parte destinada à fabricação de vinho e suco integral, além de uma parte para produção de geleias. O restante é escoado pra fora do município pra produção de vinhos. No entanto, conforme Nelson Leite, nos três últimos anos os produtores têm encontrado dificuldades para vender a fruta por falta de compradores.

Publicidade
Publicidade
[Grupo RBJ de Comunicação] Produtores iniciarão colheita da uva em Coronel Domingos Soares

Para a próxima safra, a expectativa dos produtores é a inclusão no Revitis (Programa de Revitalização da Viticultura Paranaense), idealizado pelo Governo do Estado, com o objetivo de estimular a produção de uvas e seus derivados, com base no incentivo à produção, reorganização da comercialização, desenvolvimento do turismo e apoio à agroindústria.

Além disso, os produtores tem contado com o apoio do poder público municipal na manutenção das estradas para escoamento da produção e também com a contrapartida financeira dentro do Revitis.

 

Publicidade