O presidente do Poder Legislativo de Coronel Domingos Soares defendeu o fim do subsídio(salário) dos vereadores do município, na próxima legislatura. A manifestação de Laércio Casagrande da Cruz (PPS), foi feita durante a sessão de ontem(02).

O tema entrou em discussão a partir da proposta feita pelo vereador, Rodrigo Vaz (PSL) em fixar o subsídios dos vereadores em R$ 700,00, como forma de economia ao Poder Legislativo, para permitir  a concessão de  um valor maior aos vereadores do município em seus deslocamentos legislativos.

O vereador José Valdivino Fragoso(PSB) explicou mais tarde que a discussão ocorreu quando foi votada a proposta apresentada pelo vereador Rodrigo Vaz em elevar o valor das diárias concedidas aos vereadores. Explicou o vereador que como houve reprovação pela  elevação,  Vaz defendeu então a redução dos salários para R$ 700,00.

O presidente da Casa  foi além da proposta  da redução do valor, atualmente em R$ 3.000,00 reais, e destacou que irá lutar durante toda a sua gestão para o fim do pagamento do valor mensal. Defende que os vereadores de Coronel Domingos Soares só deveriam ter direito às diárias. “Muitos podem pensar que estou defendendo isso só porque não irei mais concorrer ao cargo. Afirmo  que pretendo concorrer novamente a partir do momento em que os vereadores não tiverem mais salários no município”, disse ele.

O presidente salientou que diante de muitas situações acaba concordando com a opinião da população de seu município de que “os vereadores não fazem nada”. “Tem vereadores que na época da campanha diz que não estão preocupados com o salário e sim em trabalhar pelo povo. Após eleitos, quando são convocodas sessões extraordinárias, não comparecem por que não há pagamento dessas sessões”, disse ele.

 Defendeu que o vereador tem que merecer seu subsídio e estar empenhado em buscar as soluções para o município. Fez uma analogia com a agricultura para explicar a postura de alguns vereadores. “É como na lavoura. É preciso ir no comércio buscar as sementes e os insumos. Se não for feito isso não tem produção”, explicou ele.

O portal RBJ entrou em contato com o vereador, Rodrigo Vaz, que propôs a redução do valor dos subsídios, recebendo a informação que estará se manifestando sobre o assunto ainda esta semana.