Ao contrário de muitas Câmaras de Vereadores da região sudoeste, o legislativo de Chopinzinho retorna aos trabalhos somente após o carnaval. Na primeira sessão marcada para o dia 18 de fevereiro, acontece a posse da nova mesa diretora, com mandato até o término de 2016.

Segundo o novo presidente da casa, Marcos Monteiro (PSDB) a expectativa para este ano é boa, ele destaca que os vereadores retornam para a sede oficial, a qual esta em reformas, “estamos conversando com os vereadores, os funcionários para que possamos iniciar no dia 18, na casa nova. As sessões acontecem numa sala no Centro Médico, mas em breve queremos retornar para a câmara que fica em cima do Banco do Brasil”.

Para o ano que antecede o período eleitoral municipal, a câmara de Chopinzinho está definida quando se trata de situação e oposição, assunto que até o ano passado não estava claro. Agora são seis vereadores que apoiam a administração do prefeito Leomar Bolzani, sendo Marcos Monteiro, Claudemir Malage, Aldecir Pan, Leonides Moser, Amarildo Secco e Alceu Ferreira. Os opositores são Jacir Salmoria, Édina Accorsi e Valmor Teles Mendes. Lembrando que em 2013, o número de vereadores favoráveis a administração eram oito.

Para Monteiro os debates a partir de agora deve ser de respeito de ambas as opiniões, “o trabalho de oposição são três vereadores que respeito muito eles, tem o posicionamento político de cada um e que vão fazer o trabalho de oposição normal. A gente tem que aprender a respeitar e conviver com isso”.

Neste ano a Rádio Difusora América mantém o compromisso da melhor informação para a sociedade e estará transmitindo ao vivo todas as sessões ordinárias do legislativo de Chopinzinho.