Em visita aos municípios de Palmas e Coronel Domingos Soares, o deputado estadual Paulo Litro(PSDB) anunciou a liberação de recursos para as áreas de saúde e agricultura. Para aquisição de veículos o município de Palmas receberá R$ 120 mil proveniente da emenda do parlamentar no orçamento do Estado. Para Coronel Domingos Soares estão previstos cinco conjuntos de ensiladeiras, num valor de R$ 100 mil, para incremento à atividade leiteira.

“Estamos atendendo as demandas de Palmas”, disse o deputado, lembrando que no ano passado já havia intercedido para a destinação de ambulância e veículos para o setor de saúde; pela manutenção da Agência de Rendas, para investimentos na melhoria e ampliação do Sistema de Tratamento de Esgoto da Sanepar, no Bairro Santa Cruz.

O deputado, que assinou a Carta de Palmas, disse que um dos pleitos que está defendendo é para a instalação do Núcleo Regional da Secretaria da Agricultura e Abastecimento(SEAB) do qual farão parte os municípios de Clevelândia, Coronel Domingos, Honório Serpa, Mangueirinha  e Palmas. “Fizemos audiências com o secretário da agricultura e estamos buscando junto ao governo do estado, que seja implantado o mais rápido possível esse núcleo da Secretaria”, argumentou.

Explicou que nos primeiros anos de governo não foi possível dar efetividade ao projeto pela crise financeira do Estado, mas acredita que em 2017 deverá ser encaminhado à Assembleia Legislativa um Projeto de Lei criando a nova regional para atender aos municípios desta microrregião. “Vamos fazer audiências com o governador e o chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni. O Paraná e Sudoeste do Paraná tem uma grande dívida para com Palmas, por tudo que esse município representa para a região e ao Estado. Precisamos trazer desenvolvimento para essa gente”, defendeu.

Disse o deputado que está trabalhando alinhado com os vereadores, Marquinhos Gomes(PSC), Paulo Banach(REDE), Luis Guesser(PMDB) e também com o vice-prefeito, Cesar Pacheco Batista(PSC). “Já conversei com o prefeito, Dr. Kosmos(PEN) e estamos à disposição de fazer um trabalho, pois os benefícios não são para os vereadores ou para o prefeito, e sim para a população”, disse o deputado.