Foi definido nesta semana pelo Juiz da vara criminal de Guarapuava, centro sul do Paraná, a data do júri de Elvi Aparecida Haag Ferreira (macumbeira), e seu esposo, Nilton Ferreira, os quais são acusados de envolvimento na morte do procurador do município de Chopinzinho, Algacir Teixeira de Lima, crime registrado em 16 de março de 2015 no centro da cidade.

O julgamento irá acontecer no dia 29 de junho, a partir das 9 horas no salão de júri da Comarca de Guarapuava. O Ministério Público da comarca de Chopinzinho, solicitou no mês passado a transferência do júri para outra comarca. O Tribunal de Justiça do Estado do Paraná definiu a comarca de Guarapuava para a realização do júri.

Os outros acusados, Darci Lopes de Aquino, João Rosa do Nascimento, Jeferson Rosa do Nascimento e Giovane Baldissera, continuam aguardando decisão do Tribunal quanto ao recurso impetrado. Caso a decisão de leva-los a júri popular seja mantida, o próximo passo será definir uma data para a realização do júri dos mesmos.