• Compartilhe no Facebook

Na noite de sexta-feira, dia 2, a Polícia Militar recebeu denúncias anônimas de que na linha São Sebastião do Cedro – 1, área rural de Capanema, acontecia uma rinha de galos. Foi deslocado até o local e em um galpão aos fundos de uma residência foram encontradas aproximadamente 25 pessoas ao redor de um tambor (ringue), onde ocorria a rinha de galos. Os participantes ao perceberem a aproximação das viaturas se evadiram para uma mata próxima, permanecendo somente o proprietário e o promotor do evento.

Perguntado ao responsável, ele confirmou que recebeu R$ 20,00 para cada luta realizada. Foram constatados os maus tratos aos animais, pois vários galos estavam feridos e presos em gaiolas, totalizando 32 animais. Nas proximidades, foram localizados e apreendidos equipamentos que são utilizados para preparar os galos (86 unidades de esporas de plástico e esparadrapos para fixação), também foram apreendidos três cadernos com anotações relacionadas aos atos, com resultados e nomes de participantes.

Os animais ficaram em fiel depósito com o proprietário do local. E os dois envolvidos foram conduzidos até o cartório da PM para confecção do Termo Circunstanciado. Todas as placas dos veículos que estavam no local foram arroladas no Boletim de Ocorrência, para futuras investigações.

 

Com informações da assessoria