Em operação na manhã desta sexta-feira (24), a Polícia Civil de Coronel Vivida, com apoio da 5ª SDP, NOC e a delegacia de Palmas, cumpriu mandados de busca e apreensão, sendo três em Coronel Vivida e um em Palmas.

As prisões são decorrentes ao assassinato de Edson Andrioli, ocorrido em 30 de setembro deste ano, no interior do município. Dois homens foram preso e permanecem a disposição da justiça.

O crime

A vítima retornava para casa após o trabalho, quando foi emboscada por pessoas que desferiram facadas e golpes com outros objetos, causando a morte.

Conforme o delegado da delegacia de Coronel Vivida, Romulo Contin Ventrella, após a morte de Edson as investigações iniciaram. “Esta é uma investigação complexa devido não haver testemunhas do crime. Foi realizado um trabalho intenso após o ocorrido, que se chegou aos prováveis autores desse homicídio que causou grande repercussão”, disse o delegado.

Foram presos dois homens maiores de idade suspeitos pelo homicídio, e cumprido dois mandados de busca e apreensão, sendo um na casa de um menor. As investigações prosseguem para conclusão do inquérito.