A ação rápida da Polícia Militar resultou na apreensão de uma motocicleta e de armas utilizadas pela dupla que roubou na manhã de sábado (29) a Lotérica da cidade de Coronel Vivida, sudoeste do Paraná.

  • Compartilhe no Facebook

Imagem dos suspeitos capturada pelas câmeras de monitoramento.

Segundo a Polícia, após receber informações sobre o roubo à casa lotérica da cidade, e que os autores estaria em uma moto Honda CG/Titan de cor vermelha, foi iniciado buscas na área urbana e rural do município e através de informações repassadas por populares foi localizada a residência de um dos envolvidos na ocorrência, porém, ninguém foi localizado.

Em buscas no terreno foi localizada uma moto Honda/CG 150 Titan placas MEC-3321, a qual estava recém-pintada de forma grosseira na cor prata, e através de consulta foi constatada ser a cor original vermelha, juntamente com um capacete na cor preta, idêntico ao utilizado por um dos autores no roubo.

Durante a ocorrência os policiais receberam novas informações através de denuncias que as roupas e armas utilizadas no roubo estariam em uma oficina de propriedade do possível autor, no local, já na entrada foi visualizado um capacete com as mesmas características do utilizado por um dos autores.

  • Compartilhe no Facebook

Durante buscas na mecânica foi localizada uma carteira com variados documentos e cartões de bancos, em nome, de uma das vitimas do roubo. Posteriormente foi localizada uma camiseta preta com cinza claro e uma blusa vermelha, vestimentas utilizadas pelos autores conforme constatado pelas imagens das câmeras de monitoramento.

  • Compartilhe no Facebook
Também foram encontrados dois revolveres de calibre 38 com 08 munições intactas, possíveis armas utilizadas pelos autores, e duas espingardas de pressão e variados objetos utilizados para fabricação de armas artesanais. Foi feito a apreensão dos objetos e armas e encaminhados para delegacia de Policia Civil de Coronel Vivida.

Segundo os policiais foi possível à elucidação dos fatos, devido a troca de informações de banco de dados de Policiais Militares, averiguação nas câmeras de vigilância e apoio da população com denúncias diretamente aos policiais e via 190.

  • Compartilhe no Facebook