Uma mulher de 24 anos morreu no início da noite desta segunda-feira (27) no hospital em Candói, no Centro Sul do Estado. Segundo boletim de ocorrência registrado pela Polícia Militar, a vítima identificada como Roselaine Chagas Selestrino foi agredida pelo marido em Foz do Jordão.

O médico que prestou atendimento informou que a morte foi decorrente das agressões sofridas. O corpo foi recolhido ao IML de Guarapuava. O irmão da vítima contou que ela era agredida frequentemente.

O fato será apurado pela Polícia Civil. O autor das agressões deverá responder pelos crimes de violência doméstica e lesão corporal.

Roselaine já havia registrado um boletim de ocorrência contras o companheiro no dia 13 de abril. Na ocasião, afimrou que vinha sofrendo agressões desde o dia 10 de março, sendo agredida com socos, chutes e mordidas. O marido ainda a queimou com butuca de cigarros tentou sufocá-lá com um travesseiro.

No boletim, Roselaine também afirmou que estava magra, pois não conseguia se alimentar direito e nem se quer dormir, além de ter sido obrigada a cheirar cocaína e ingerir bebida alcoólica. Revelou tmabém que o agressor não a deixava sair e por diversas vezes fez ameaças de morte, caso ela contasse algo para a família.

Foto: Reprodução Facebook