Denúncias anônimas levaram a equipe da Patrulha Rural da 2ª Cia de Palmas, no sul do Paraná, até uma fazenda em Coronel Domingos Soares, onde foram localizados três fornos de  carvão, e ao lado destes aproximadamente 20 metros cúbicos de madeiras diversas como guavirova, bugrero, bracatinga, pelotero e ponteira de pinheiro araucária, que seriam transformadas em carvão.

No meio da mata foram localizadas sete toras de pinheiro araucária, e em um galpão onde funciona uma oficina mecânica, foi encontrada uma espingarda de pressão cal. 5.5. No interior da residência em que mora o proprietário da fazenda e seu filho, foi localizada uma espingarda cal. 32, marca Boito, municiada com um cartucho intacto, e no fundo falso do assoalho, foram encontradas: uma espingarda cal. 16, marca Acier Baiard, uma espingarda cal. 28, marca Boito, municiada com 2 cartuchos intactos, uma espingarda cal. 32, marca Boito; um revólver cal. 38, marca Taurus, municiado com 6 cartuchos intactos e um revólver cal. 38, marca Taurus, municiado com 6 cartuchos intactos.

Além disso, os policiais localizaram 400 cartuchos cal. 22, marca CBC, 36 cartuchos cal. 38, marca Especial, 24 cartuchos cal. 28, marca CBC, 16 cartuchos cal. 20, marca CBC, 10 cartuchos cal. 36, marca CBC, 2 cartuchos cal. 32, marca CBC, um frasco com chumbinho cal. 5.5, marca Galo, 32 estojos de calibres diversos e um coldre de couro para revólver.

Os abordados, de 63 e 33 anos de idade, foram encaminhados juntamente com as armas e munições apreendidas à Delegacia de Polícia Civil para as demais providências.