Seis irmãos de uma família de Lucas do Rio Verde, no Norte do Mato Grosso, procuraram a delegacia da Polícia Civil nesta terça-feira (20) para denunciar a morte da mãe, ocorrido em 1982, no município de Quilombo, no Oeste de Santa Catarina. O autor do crime, seria o pai dos denunciantes.

Os filhos alegam que o pai teria cometido o homicídio contra a própria esposa, Pierina Carraro, no dia 27 de janeiro de 1982. Conforme o portal Lucas Notícias, o homem é um dos pioneiros de Lucas do Rio Verde e atua no agronegócio mato-grossense. Depois do crime, contam os filhos, o homem casou com uma empregada, a qual convive até hoje.

Uma das versões do crime, daria conta de que ele teria simulado um acidente durante uma viagem para justificar a morte da esposa. Os filhos não acreditaram na versão e começaram a investigar.

Em uma reunião familiar questionaram o pai sobre o que teria acontecido realmente, pedindo que confessasse, caso tivesse algum envolvimento na morte da vítima, tendo sido negado em primeiro momento. Contudo, em razão de toda a insistência, o suspeito acabou confessando que teria a matado por estar apaixonado pela empregada.

Os denunciantes prestaram depoimentos por cerca de três horas. De acordo com o delegado Daniel Santos Nery, possivelmente o crime já tenha prescrevido e não há certeza se o acusado será ouvido sobre os fatos.