Um caminhoneiro vítima de sequestro em Curitiba foi encontrado na manhã de domingo (22), amarrado dentro de seu caminhão, no estacionamento de um posto de combustíveis em Ponte Serrada, Oeste de Santa Catarina. Um homem passava próximo ao local e ouviu gritos de socorro e vendo o motorista no interior do veículo, acionou a polícia.

A vítima relatou que havia carregado três tratores na última segunda-feira (16), saindo de Montenegro, no Rio Grande do Sul, na quarta-feira (18), rumo a Maringá, no Norte do Paraná. Porém, por volta das 23h de quinta-feira (19), em Curitiba, foi abordado por um veículo de cor preta, de onde saíram dois homens encapuzados, portando armas longas, que o renderam, ordenando que ficasse deitado na cama do veículo.

Os homens seguiram com o caminhão por cerca de três horas. Após isso, colocaram o caminhoneiro no porta-malas de um automóvel, onde seguiram andando por mais duas horas, até chegar em um local, que ele imagina ser um sítio.

A vítima contou que ficou em um quarto escuro, onde lhe forneciam comida uma vez por dia, sem qualquer tipo de contato. N madrugada de domingo (22), ele foi retirado do cativeiro e novamente colocado no porta-malas do automóvel, de onde voltou para a cabine do caminhão. Os elementos rodaram por cerca de mais três horas até abandonarem a vítima em Ponte Serrada.

Além dos tratores, foram levados cerca de R$ 300,00 em espécie em dinheiro e cintas de amarar a carga. O caminhoneiro foi encaminhado ao Hospital Santa Luzia para uma avaliação médica. Nenhum suspeito pelo crime foi identificado até o momento.