Menu
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
01 de março de 2021
Rádios

Paraná dá inicio à obrigatoriedade da Nota Fiscal de Produtor Eletrônica

A NFP-e deverá ser emitida por produtores com faturamento acima de R$ 200 mil em operações interestaduais.

Agricultura

por Guilherme Zimermann

DSC04523
Publicidade

Desde o dia 1º de janeiro, os produtores rurais do Paraná precisam emitir a Nota Fiscal de Produtor Eletrônica em todas as operações interestaduais e de exportação. A medida atinge cerca de 19 mil produtores.

A medida é obrigatória apenas para os produtores que tiverem faturamento anual superior a R$ 200 mil. A partir de 1º de janeiro de 2022 será válida para todos os produtores, independente do faturamento. Nas operações internas, ou seja, dentro do Paraná, o produtor poderá aderir à Nota Eletrônica ou permanecer utilizando a nota fiscal em papel.

De acordo com o auditor da Receita Estadual, Jaime Massolar da Silva, para fazer a emissão o produtor deverá realizar um cadastro no Portal Receita/PR na Internet. Todo o processo é feito exclusivamente de forma online, o que dispensa o produtor de se deslocar até a prefeitura para buscar ou entregar os talões de notas. Ouça no player abaixo:

Publicidade