Menu Envie sua pauta
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
27 de setembro de 2021
Rádios

Oito novas Leis entram em vigor em Palmas

Geral

por Guilherme Zimermann

leis
Publicidade

A partir de publicações em Diário Oficial, oito Leis entraram em vigor no município de Palmas nesta semana. As matérias foram aprovadas pela Câmara de Vereadores e sancionadas pelo Poder Executivo.

Passara a vigorar as Leis 2739/2020, que dispõe sobre a notificação compulsória de casos de violência contra a mulher e a pessoa idosa; 2740/2020 que institui o mês “agosto lilás”, dedicado a ações em combate à violência contra a mulher; 2741/2020, que institui no calendário do município a Semana Municipal do Empreendedorismo Feminino; 2743/2020, que institui a Semana de Conscientização sobre a Depressão Infanto-Juvenil; 2744/2020, que inclui no calendário a campanha Janeiro Branco, dedicada a ações educativas para a difusão da saúde mental e emocional. As matérias são de autoria da vereadora Silvana Ribas.

Outra proposição da vereadora que também foi sancionada é a Lei 2742/2020, que obriga a prefeitura a publicar em seu site oficial e no Portal da Transparência, informações sobre a aplicação de recursos derivados de multas aplicadas pelo Departamento Municipal de Trânsito. Essa matéria teve um de seus artigos vetados pelo Executivo.

O artigo 4º, que previa a divulgação de relatórios sobre acidentes de trânsito não passou pela sanção da prefeitura, que justificou o veto pontuando que a questão de acidentes de trânsito não é uma matéria de direta notificação ao Departamento de Trânsito, sendo o Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Polícia Civil e órgãos de saúde acionados para o atendimento destas situações. O veto parcial da Lei será encaminhado à Câmara Municipal, que avaliará se mantém, ou não, a decisão do Executivo.

Publicidade
Publicidade

Outra Lei que entra em vigor é a de número 2745/2020, de autoria do vereador Paulo Bannake, que reconhece, no âmbito do município, a visão monocular como deficiência sensorial do tipo visual.

O Poder Executivo também sancionou a Lei que institui o Conselho Municipal do Trabalho, Emprego e Renda e o seu respectivo Fundo Municipal do Trabalho do Município de Palmas.

Publicidade