Menu Envie sua pauta
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
27 de maio de 2022
Rádios

Núcleo de Diabetes realiza palestra neste feriado

GeralSaúde

por Juliana Raddi

WhatsApp Image 2019-02-26 at 16.24.57
(Imagem Ilustrativa)
Publicidade

Segundo dados do Ministério da Saúde o número de brasileiros com diabetes cresceu 61,8% em 10 anos. A doença atinge 8,9% da população brasileira, que pode contar com ações de prevenção, detecção, controle e tratamento medicamentoso pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

O Núcleo de Diabetes de Francisco Beltrão há mais de 10 anos tem como objetivo apoiar os portadores da doença e esclarecer possíveis dúvidas. Nesta terça-feira (05), às 17h15 será realizado o encontro mensal do grupo com o tema: A importância da família no tratamento do diabetes.

[Grupo RBJ de Comunicação] Núcleo de Diabetes realiza palestra neste feriado — (Imagem Ilustrativa)
(Imagem Ilustrativa)

A coordenadora do núcleo, Georgine Machado Zapello comentou que a data foi escolhida visando abranger o maior número de pessoas, “aproveitando o feriado, já que não tem aula, quem não trabalham na parte da noite, então a gente convida a sociedade toda, quem tem algum familiar com diabetes, os amigos, enfim, quem tiver interesse”.

O Brasil está em quarto lugar na escala do ranking dos países com o número de casos de diabetes. Por isso é fundamental estar atento a alguns sintomas, “entre os principais, muita sede, vontade de urinar, perda repentina de peso, aumento de apetite, cansaço, sono em excesso, visão turva ou embaçada, e infecções de feridas que demoram a cicatrizar”, a coordenadora esclarece que ao perceber três ou mais sintomas desses citados é importante procurar uma unidade de saúde.

Publicidade
Publicidade

Existem basicamente três tipos de diabetes, Tipo 1: que usa insulina porque o pâncreas parou de funcionar, Tipo 2: usa comprimidos e em alguns casos a insulina, porque o pâncreas funciona parcialmente e a Diabetes Gestacional: quando desenvolvida pela mulher durante a gravidez.

Para não diabéticos o limite de glicemia em jejum é de 100, para diabéticos isso é muito é particular, depende de cada situação, porém a Organização Mundial de Saúde regulamentou que entre 80 e 180 a pessoa não terá tantos riscos para saúde.

Uma doença silenciosa que caso não seja tratada pode afetar outros órgãos, como a visão, os rins, o coração, “normalmente as sequelas aparecem ao longo de 8 a 10 anos, as pessoas pensam que não há risco, mas eu digo não imediatamente, daqui 10 anos certamente terão problemas”, comenta Georgine.

O encontro será realizado na Escola Bom Pastor, próximo ao batalhão da Polícia Militar, no bairro Luther King.

Publicidade
Publicidade

Confira a entrevista: 

 

Publicidade