Menu Últimas Notícias
Grupo RBJ de Comunicação
Envie sua pauta
Grupo RBJ de Comunicação,
13 de agosto de 2022
RÁDIOS

Na Amsop, prefeitos aprovam rateio para manter funcionamento do Samu até dezembro

Defasagens nos repasses da União ocorre desde 2013, e do governo do Estado, desde 2017

Saúde

por Antonio Mendonça

WhatsApp Image 2022-07-22 at 11.54.06
Publicidade

Em assembleia realizada nesta sexta-feira, 22/07, na Associação dos Municípios do Sudoeste do Paraná (Amsop), os prefeitos da região aprovaram o rateio proposto pelo consórcio Ciruspar – que administra o Samu no sudoeste – para manter o funcionamento do serviço com recursos suficientes até o mês de dezembro.

De acordo com o previsto no rateio, o valor per capita pago por cada município ao Ciruspar/Samu não sofrerá alterações, e, será suficiente para cobrir os R$ 2,7 milhões mensais necessários para a operação do serviço.

“Se o município não bancar, o Samu fecha. Então, nós vamos continuar colocando recursos no Samu, mesmo que já seja mais do que o dobro do valor de responsabilidade dos municípios, e continuamos na expectativa de atualização dos repasses do governo federal para o próximo ano”, explicou o presidente do Ciruspar/Samu e prefeito de Ampére, Disnei Luquini.

Conforme exposto pelo consórcio durante a assembleia, esta situação financeira delicada se deve às defasagens nos repasses da União, desde 2013, e do governo do Estado, desde 2017.

Publicidade
Publicidade

“Não tem como paralisar o trabalho do Samu, que salva vidas e atende muito bem a nossa população há 10 anos. E, uma terceirização de serviços para tentarmos reduzir custos com folha de pagamento não seria aceita pelo Ministério Público”, complementou o prefeito Luquini.

Disnei Luquini afirmou, também, que irá conversar com o presidente da Associação dos Municípios do Paraná (AMP) e prefeito de Jesuítas, Junior Weiller, para viabilizar uma audiência com o governo do Estado com vistas a solucionar o problema da defasagem na tabela de valores.

Após a assembleia, foi realizada a entrega de duas ambulâncias do Samu para os municípios de Mangueirinha e Chopinzinho.

Publicidade