Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
22 de maio de 2024
Rádios

Municípios da região de Palmas são alvos de operação ambiental

Operação Quaresma II foi deflagrada pelo Instituto Água e Terra. Mais de R$ 1,2 milhão foram aplicados em multas.

Meio Ambiente

por Guilherme Zimermann

operacao_quaresma_3_iat
Foto: IAT
Publicidade

Os municípios de Coronel Domingos Soares, General Carneiro, Bituruna, Mangueirinha e Pinhão foram alvos da Operação Quaresma II, deflagrada pelo Instituto Água e Terra (IAT) na última semana do mês de março.

O foco da operação foi o combate a pesca predatória e o uso de equipamentos proibidos. Outros oito municípios também foram alvos da operação. De acordo com escritório do IAT de União da Vitória, houve a lavratura de 25 notificações e 16 Autos de Infração Ambiental, com a aplicação de R$ 1,2 milhão em multas.

De acordo com o levantamento, foram abordadas 97 embarcações. Entre os materiais apreendidos e recolhidos por estarem fora da lei, há 3,4 mil metros de redes de malhas diversas, anzóis de galhos, varas com molinetes, galões de ceva e tarrafas.

Além da questão dos peixes, a operação atuou em alertas de desmatamento ilegal. Foram identificados 119,6 hectares de supressão de vegetação em estágio médio; 19,3 hectares em estágio inicial; 13,8 hectares de área de preservação permanente, além do corte de 149 araucárias, espécie que corre risco de extinção. Houve, ainda, fiscalização de serrarias móveis, fornos de carvão e de construções irregulares. Uma serraria móvel foi apreendida.

Publicidade
Publicidade

Fonte: AEN

Publicidade