Menu Envie sua pauta
Grupo RBJ de Comunicação
Grupo RBJ de Comunicação,
23 de junho de 2021
Rádios

Região de Palmas tem 12 mil famílias beneficiadas pelo Cartão Comida Boa

Geral

por Guilherme Zimermann

comidaboaparana-programa-pr
Publicidade

O programa Cartão Comida Boa do governo do Paraná beneficiará 12 mil famílias da microrregião de Palmas. As secretarias e departamentos de Assistência Social dos municípios receberam os cartões na última quinta-feira (07) e começam a entregar aos beneficiários nesta semana.

Em Palmas, são 5.928 famílias beneficiadas (Confira a lista de beneficiados clicando aqui). Os cartões estão sendo entregues na unidade do CRAS do Lagoão. Os beneficiários poderão realizar suas compras em oito estabelecimentos: Mercado Amigão, Mercado Fávero, Supermercado Foscarini, Zini da Hípica, Super União Supermercados, Super Baratão e Super Pão Compre Mais.

Em Coronel Domingos Soares são 965 beneficiados, que recebem seus cartões também na unidade do CRAS, na Rua José Salvador. Os estabelecimentos credenciados no município são Supermercado Fransouza, Mercado Águia, Mercado Santa Fé e Max Supermercado.

No município de Clevelândia são 2.096 famílias aptas a receber o Cartão Comida Boa, que também são entregues nas unidades do CRAS. Com o cartão, os clevelandenses poderão comprar no Ítalo Supermercados, Mercado do Itamar, Mercado São João e Mercado MM.

Publicidade
Publicidade

O programa beneficiará ainda 806 famílias de Honório Serpa, que poderão fazer suas compras no Super Floriano e Mercado Oliveira. No município são quatro pontos de entrega dos cartões: Comércio de Gêneros Alimentícios Boldori, CRAS, Igreja do Evangelho Quadrangular e na comunidade Pinho Fleck.

Em Mangueirinha, as 2.260 famílias beneficiadas poderão retirar os cartões na unidade do CRAS, na Igreja do Evangelho Quadrangular e na Secretaria de Assistência Social. Os estabelecimentos credenciados para a compra são Supermercado Zucchi, Supermercado Bom Preço, Ítalo Supermercados, Supermercado Catarinense, Leila Massas e Bolos, Monteiro Supermercado, Panificadora Sabor da Casa, Mercearia Débora de Quadros, Fransouza Supermercados e Mercado Morro Verde.

O auxílio emergencial terá duração de três meses, com a recarga de R$ 50,00 ao mês. O recurso só pode ser utilizado para a compra de produtos que compõem a cesta básica, como arroz, feijão, macarrão, farinhas de trigo, milho ou mandioca, açúcar, óleo vegetal ou banha suína, ovos, carne bovina, suína ou de ave, leite, pão frutas, legumes e verduras.

Publicidade