A Secretaria de Meio Ambiente disponibiliza um espaço adequado para destinação de galhos oriundos da poda de árvores e móveis velhos de origem domiciliar. O Diretor da Secretaria do Meio Ambiente, Vilmar Rigo, comenta que o problema se estende há vários anos e eles buscavam por alternativas para ajudar a população a resolver essa situação.

“Sobre a questão dos galhos de árvores, a gente tem uma equipe que faz a poda e colhe os galhos nas vias públicas, que é da nossa competência”, já para a execução da poda nas residências, ele destaca que é necessário obter uma orientação ou autorização da Secretaria de Meio Ambiente.

Segundo ele, a dificuldade está em qual o local a população deve destinar os galhos das podas feitas dentro do seu terreno. Desse modo, há algum tempo, em fase de testes, os galhos estavam sendo depositados em um barracão no Parque de Exposições, porém, esse não era o local adequado.

Atualmente a equipe conta com apenas um triturador de galhos, que é a forma correta para transformar os resíduos em compostos que podem ser utilizados como adubação orgânica. Esse trabalho em dias de chuva era interrompido, porém, com o novo local a equipe pode realizar a trituração desses galhos no local coberto. O barracão fica às margens da PR-566 próximo à Associação da Caixa Econômica e o atendimento será de segunda a sexta-feira das 07h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30 e aos sábados das 7h30 até às 11h30.

Vilmar destaca que alguns tipos de materiais como por exemplo restos de jardinagem, principalmente com espinhos, não serão recolhidos, pois não é possível realizar a trituração, “mas numa forma geral poderão levar nesse espaço todos os galhos oriundos de poda de árvores que a população faz”.

Outro problema bastante recorrente no município é quanto a destinação de móveis, que resulta em vários transtornos principalmente com a questão da proliferação de insetos e roedores, “a gente está disponibilizando nesse mesmo endereço, uma parte de separação de sofás velhos, roupeiros, mesas, ou seja, todos materiais de madeira”.

Será realizado ainda um controle sobre o que for encaminhado ao local, “tem uma equipe que vai estar fazendo o desmanche dos móveis e aqueles que estiverem em condições de a gente fazer uma doação, vamos encaminhar para a Secretaria de Assistência Social, para que ela possa destinar para algumas famílias que necessitam”, esclarece.

Informações (46) 3523 63 47 ou Whats (46) 9 9128 0606.

Confira a entrevista: