Uma denúncia anônima de caça de animais silvestres e pesca predatória com uso de redes e espinheis levou a Polícia Ambiental (Força Verde) de Francisco Beltrão até o interior de São Jorge D’Oeste nesta quinta-feira (6). De acordo com a denúncia, quatro pessoas estariam deslocando pela rodovia PR-475 com destino a região do alagado para o cometimento de crimes ambientais.

De posse das informações, a equipe da Polícia Ambiental deslocou para averiguar, tendo feito abordagens na rodovia, porém nenhum suspeito foi localizado. Na sequencia das diligências, já no alagado da Usina Salto Osório, foi localizado uma barco ocupado por quatro pessoas. No entanto, pela falta de uma embarcação aquática, a equipe não conseguiu fazer a abordagem.

Durante diligências a pé, no meio da mata, foi encontrado um barraco usado pelos pescadores e caçadores. No local foi apreendida uma espingarda calibre 36 e uma sacola com 13 munições do mesmo calibre. O acampamento foi destruído para evitar a reutilização. As apreensões foram entregues à Polícia Civil para os procedimentos.

Fonte/foto: Polícia Ambiental