O município de Clevelândia recebeu no primeiro quadrimestre deste ano, R$ 1,2 milhões  referentes ao ICMs Ecológico. É o que mais arrecada em todo o Sudoeste do Estado, a partir da criação de Parques Ambientais Municipais. No ano passado o volume total foi de R$ 2.2 milhões. O repasse de recursos financeiros é destinado aos municípios que abrigam em seus territórios Unidades de Conservação ou áreas protegidas, bem como,  mananciais para abastecimento de municípios vizinhos.

Do total do ICMS arrecadado pelo  Paraná, 5% é direcionado aos municípios, proporcionalmente  ao  tamanho, importância, grau de investimento na área, manancial de captação e outros fatores. Do total, 50% vai para para os que tenham em seu território Mananciais de Abastecimento, cuja água se destina a população de outro município. Outra parte igual àqueles que tem  seu território Unidades de Conservação, Áreas de Terras Indígenas, Reservas Particulares do Patrimônio Natural(RPPN), Faxinais e Reservas Florestais Legais.

O município de Palmas recebeu nos primeiros quatro meses deste ano R$ 84.296,20. Em igual período o ano passado foram R$ 72.121,81. O volume total de 2016, foi de R$ 223.136,08.

REPASSES DE JAN/ABRIL 2017

Mangueirinha –R$ 130.089,45
Pato Branco – R$ 28.248,99
Coronel Vivida – R$ 103.026,43
Chopinzinho- R$ 675.087,00
São Jorge do Oeste – R$ 7.931,67
Francisco Beltrão – R$ 16.378,73
Dois Vizinhos R$ 2.312,77