A Vara Criminal da Comarca de Palmas está desenvolvendo até a próxima sexta-feira (11), o projeto “Jurado Voluntário”. O objetivo é captar pessoas interessadas em atuar junto ao Tribunal do Júri e contribuir com o trabalho do Poder Judiciário.

De acordo com o gestor da Vara Criminal, João Ricardo Socolovski Siqueira, anualmente, o juiz de direito da Comarca encaminha ofícios à entidades do município, solicitando indicações de nomes para comporem o corpo de jurados. “Entretanto, ocorre que muitos dos indicados não têm aptidão, apresentam problemas de saúde, ou não têm condições do participarem do júri. Por isso, nosso objetivo é que o cidadão vá até o Poder Judiciário e manifeste seu interesse em ser jurado”, destacou.

Salienta que, muitas vezes, a falta de garantias de que o corpo de jurados terá o número mínimo de integrantes, traz uma série de transtornos ao Poder Judiciário.

Sobre o papel do jurado, explica que ele representa a sociedade terá a responsabilidade do julgamento dos crimes dolosos contra vida, consumados ou tentados, ou qualquer outro crime que tenha conexão com um crime doloso contra a vida.

Os interessados em atuar como jurado voluntário, devem procurar o Cartório da Vara Criminal, no Fórum, munido de RG, CPF e comprovante de residência. Após passar por análise, o nome integrará a lista de jurados para as sessões do júri em 2020.

Ouça a entrevista no player abaixo: