Uma jovem de 18 anos que foi atropelada em Laranjeiras do Sul, no Centro-Sul do estado, em setembro e que precisava de uma cirurgia emergencial conseguiu internação num hospital de Curitiba, graças à intervenção do Ministério Público do Paraná.

A Promotoria de Justiça da comarca, procurada por familiares da vítima, ajuizou ação civil pública para que o Estado do Paraná providenciasse a remoção da paciente, que estava internada em Guarapuava e corria risco iminente de morte, para que fosse tratada em um hospital público.

Desde 14 de setembro, a jovem (internada na véspera, quando aconteceu o atropelamento em rodovia que passa pela cidade) esperava, sem sucesso, vaga em UTI e a realização de cirurgia de alta complexidade (plastia de traqueia). Dada a gravidade do quadro clínico da paciente, o Juízo da Vara da Fazenda Pública de Laranjeiras do Sul atendeu o pedido liminar do MP/PR, e a paciente foi transportada para o hospital da capital para receber o devido tratamento.

Fonte: Assessoria MP